Atendimento - Como funciona

   

 

1 - A dinâmica do trabalho consiste inicialmente em uma entrevista de 1º CONTATO com a mãe para que sejam levantados dados sobre a existência de diagnóstico clínico entre outros aspectos. O retorno sendo negativo, a criança será encaminhada ao médico para que seja feito o diagnóstico.

2 - Posteriormente à entrevista ou análise do diagnóstico clínico, a mãe é convocada a uma entrevista de ANAMNESE, que propiciará um levantamento de dados mais precisos sobre a vida da criança/adolescente, desde sua fase intra-uterina.

3 - A criança/adolescente passa em seguida por uma avaliação em todos os setores. Após esta bateria de avaliações, há um estudo de caso onde os profissionais vão detectar as dificuldades e em seguida fazer o encaminhamento para o atendimento ou atendimentos, onde a mesma, entra no processo de acompanhamento profissional e a família passa a ser orientada quanto ao retorno das avaliações e no decorrer do processo.

4 - Posteriormente, a criança/adolescente é acompanhada por estudos de caso semanais e no estudo de caso geral, que é realizado duas vezes no ano (Janeiro e Julho), até ser diagnosticado a possibilidade de desligamento, que é um processo gradativo e acompanhamento, para que não haja nenhum retrocesso e nenhuma perda.

 
   
Boletim Informativo APADV
rodape